Notícias

Alagoas tem o 3º melhor desempenho do país na geração de emprego

Alagoas se destacou na abertura de vagas formais de emprego

Alagoas registrou o terceiro melhor desempenho do país na geração de emprego com carteira assinada em setembro, segundo os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgados nesta segunda-feira, 22, pelo Ministério do Trabalho. De acordo com o levantamento, no mês passado o estado criou 15.179 vagas formais, uma alta de 4,57% em relação agosto. O número é resultado das 21.591 admissões e 6.412 desligamentos no mês.

O desempenho alagoano ficou atrás apenas de São Paulo, que registrou saldo positivo de 22.448 empregos formais, e Pernambuco, que criou 21.414 postos com carteira assinada. O resultado da geração de emprego em setembro é o melhor para o mês desde 2013, quando foram abertos 16.285 postos de trabalho com carteira assinada.

Apesar do alta no mês passado, Alagoas acumula uma retração de 3.738 vagas formais, uma queda de 1,07% em relação ao mesmo período do ano passado.

O aumento do emprego em Alagoas no mês passado foi puxado pela indústria de transformação – da qual faz parte o setor sucroenergético -, que registrou um aumento de 23,50% na criação de vagas formais com a abertura de 12.686 postos. Em seguida aparece o setor agropecuário, com a criação de 1.756 vagas (um aumento de 20,76% em relação a agosto), serviços (386 vagas) e comércio, com a criação de 341 vagas com carteira assinada.

Em todo o País, setembro registrou a criação de 137.336 novas vagas no mercado formal, um acréscimo de 0,36% em relação ao mês anterior. Esse desempenho foi resultado de 1.234.591 admissões e de 1.097.255 desligamentos. Com isso, o estoque de empregos chegou a 38.507.474 vínculos.

O saldo de janeiro a setembro teve um acréscimo de 719.089 vagas, um crescimento de 1,90%. Nos últimos 12 meses, o aumento foi de 459.217 postos, uma variação de 1,2%, segundo o Caged.

Todas as cinco regiões do Brasil registraram crescimento no emprego formal em setembro. Os melhores resultados foram registrados no Nordeste, onde foram abertas 62.177 vagas, um acréscimo de 1% em relação ao estoque de agosto, e no Sudeste, que abriu 38.933. No Sul foram gerados 18.063 novos empregos formais, um crescimento de 0,25%, e, no Norte, 10.262 vagas, um aumento de 0,59%. No Centro-oeste, o saldo do mês ficou positivo em 7.901 postos, um aumento de 0,25% em relação ao estoque do mês anterior.

Artigos relacionados
DestaquesNotícias

Análise: CEO Airbnb faz diz que mercado de viagens jamais será o mesmo

O Airbnb teve um ano de 2020 tumultuado, indo desde o planejamento de um IPO no início do ano até a perda…
DestaquesNotícias

Pesquisa aponta volta das viagens de negócios nos Estados Unidos

A maioria dos viajantes a negócios espera voltar à estrada em meados de 2021, de acordo com uma pesquisa realizada…
DestaquesNotícias

Liberação de brasileiros para os Estados Unidos continua valendo

Até agora o novo Governo Norte Americano não se posicionou oficialmente com alguma medida sobre a liberação do acesso de…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Enter Captcha Here :