ALAGOAS

Secretaria da Fazenda distribui R$ 2 milhões em sorteio da Nota Fiscal Cidadã de Natal

exto de João Henrique Siqueira

O último sorteio da Nota Fiscal Cidadã (NFC) de 2019, especial de Natal, foi repleto de emoções e alegrias. A iniciativa foi realizada pela Secretaria de Estado da Fazenda de Alagoas (Sefaz-AL) na terça-feira (17), no Bloco Administrativo Sílvio Carlos Viana, no bairro de Jacarecica, em Maceió.

Em clima natalino, não poderia faltar momentos especiais. O coral infanto-juvenil do Lar de Menina, o quarteto de violino compostos por jovens do Projeto Thallita e o coral da Associação Beneficente Santa Terezinha se apresentaram emocionando a todos.

Nesta edição, foram sorteados R$ 2 milhões, distribuídos entre pessoa física e instituições sociais. As premiações variam entre R$ 100 a R$ 70 mil. Um total de 5.023 prêmios para os consumidores e 78 prêmios para as entidades.

Valores foram repartidos entre pessoas físicas e entidades sociais na terça-feira (17) em um total de 5.023 prêmios (Ivo Neto)

Foram gerados 271.555 bilhetes, correspondentes a 90.685 CPFs participantes. De forma recorde, os números subiram significamente. Em 2018, foram gerados 132.466 bilhetes, um aumento de 105% para 2019. Já os números dos bilhetes pularam de 36.541 em 2018 para 90.685 em 2019, um avanço de 148%.

Das 93 instituições cadastradas e aptas a concorrer, o total de bilhetes foi de 19.137. Todos são oriundos do compartilhamento realizado por consumidores. Em 2018, foram 8.783 para 19.137 em 2019, um aumento de 117%.

De acordo com chefe de Educação Fiscal, Glácia Tavares, o aumento dos números dos bilhetes é resultado do trabalho da boa educação fiscal no Estado, que tem alcançado o reconhecimento de seus benefícios ao cidadão e as entidades. “É gratificante ver as mudanças nas instituições. Com esses sorteios, disseminamos a cidadania e solidariedade”.

Valores foram repartidos entre pessoas físicas e entidades sociais na terça-feira (17) em um total de 5.023 prêmios (Ivo Neto)

A instituição campeã da última rodada do ano foi a Associação de Amigos de Pais de Pessoas Especiais (AAPPE), que levou R$ 70 mil. A Casa do Pobre Santo Antônio De União dos Palmares e o Centro Espírita William Crooks conquistaram R$ 40 mil. Já o Lar São Domingos e a Rede Feminina de Combate ao Câncer ganharam R$ 30 mil.

No rateio, 82 entidades conseguiram pelo menos 1.000 notas fiscais. A instituição com maior número de notas foi a Associação dos Pais e Amigos dos Leucêmicos de Alagoas (APALA), com 104.600 notas, recebendo assim 104 cotas, conquistando R$ 22.732,24.

A presidente da instituição Lar da Menina, Jaci de Seixas, pulou de alegria quando foi anunciado que foi contemplada com R$16.338,00. “Nós participamos da NFC desde o começo, o que nos proporciou formas de conseguimos fazer diversas manutenções no prédio, o que antes não tínhamos condições. Com esse dinheiro, vamos ampliar um espaço da sala de música, transformar e um mini auditório para comportar no mínimo 100 pessoas. Graças a Sefaz, várias entidades estão realizando sonhos”, comemorou.

Valores foram repartidos entre pessoas físicas e entidades sociais na terça-feira (17) em um total de 5.023 prêmios (Ivo Neto)

Já o Paulo Lima conquistou R$ 1 mil como pessoa física. Ele conta que qualquer compra pede o CPF na nota, e que é o quarto ano que participa da Campanha.  “No final de ano a gente sempre precisa de um dinheiro pra comprar um presente. Graças a NFC tive o privilégio de ser sorteado e levar esse extra para casa. Com muita alegria, vou aproveitar com a família”.

Vencedores

Para conhecer os vencedores do Sorteio de Natal, a lista pode ser encontrada no site da campanha nfcidada.sefaz.al.gov.br/resultados/

Como apoiar

A NFC devolve ao consumidor parte dos impostos arrecadados via ICMS pelos estabelecimentos comerciais. Na prática, após comprar um produto, o estabelecimento paga o imposto dessa mercadoria para o Governo do Estado e até 10% do ICMS volta para o consumidor que pediu a nota, registrou seu CPF na hora da compra e se cadastrou na campanha.

Vale ressaltar que é possível compartilhar notas fiscais com uma instituição cadastrada na NFC. Ao todo são 98 entidades. A cada 10 notas fiscais o consumidor ganha um cupom. Quando ele compartilha, ganha o número de bilhetes em dobro.

Artigos relacionados
ALAGOASDestaquesNotícias

Entrelaços: exposição no Parque Shopping apresenta peças em bordados e rendas

Entre pontos, tramas e tecidos, a história de tradições familiares e da cultura alagoana é traduzida em peças de bordados…
ALAGOASCotidianoDestaquesNotíciasSertão

Mix Supermercado é inaugurado em Delmiro gerando emprego e renda

Empreendimento faz parte do Complexo Shopping da Vila que será concluído em julho com 500 novos postos de trabalho e…
ALAGOASDestaquesNotícias

Governo Federal alinha ações de investimento em turismo em Alagoas

Alagoas tem uma vocação para turística e isto é um fato que é facilmente constatado e para alinhar ações e…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Enter Captcha Here :