Geral

O Colapso da Casal

 

A Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal), perdeu até mesmo a palavra “águas” da nomenclatura, já que sua capacidade de continuar realizando o serviço de distribuição desse precioso líquido à população alagoana vem sendo questionada. De Norte a Sul, de Leste a Oeste a Casal é pauta diária nos veículos de comunicação por não conseguir manter o fornecimento de água. Somente Maceió e mesmo assim, vários bairros sofrem diariamente com problemas. Contudo é a população dos municípios interioranos as principais vítimas do péssimo serviço da Casal. Arapiraca, a segunda maior cidade de Alagoas com seus 210 mil habitantes, tem sofrido por décadas, mas a situação tem se agravado nos últimos anos, devido ao crescimento demográfico e falta de investimento da Casal. Os vazamentos estão por toda parte da cidade transformado as vias urbanas de Arapiraca, numa tábua de pirulitos e causado um grande prejuízo a prefeitura, que tenta tapar as crateras deixadas pela empresa, que deixa o abacaxi para o prefeito Rogério Teófilo. Em Maragogi o prefeito Sérgio Lira, já anunciou que vai rescindir a contrato de concessão com a Casal e terceirizar o serviço com empresas privadas. O segundo polo de turismo de Alagoas não suporta mais continuar na condição de municípios do semiárido com carros pipas abastecendo a população.

 

Maragogi

 

O lençol freático de Maragogi está praticamente totalmente salinizado e em outras partes o processo está vem avançado. Os poços artesianos geralmente secam também neste período de verão e alta estação. Um dos distritos mais afetados é Barra Grande. Onde o município administra o abastecimento de água a situação está normalizada, mas onde a Casal é responsável a situação e de penúria.

 

Lata d’água na cabeça

 

“Lata d’água na cabeça, lá vai Maria…”, assim é a música mais cantada atualmente em Maragogi e Japaratinga. Os dois municípios polo de turismo da região Norte tem um cenário da seca do Sertão, com várias mulheres e crianças com lata d’água na cabeça no início do dia e no final da tarde. Os turistas estão aproveitando para tirar fotos da “seca” também no Litoral.

 

Hotéis e pousadas

 

Os hotéis e pousadas estão conseguindo abastecer aos seus reservatórios graças ao sistema que têm de poços artesianos particulares e a também a carros pipas vindos da cidade de Barreiros em Pernambuco. Entretanto o temor e que os poços dos estabelecimentos também iniciem o processo de salinização ou seque neste verão.

 

Prefeito/destemido

 

O prefeito de Maragogi, Sérgio Lira disse a nossa coluna que está decidido e vai tomar da Casal ao abastecimento de água da cidade. Segundo ele já está buscando recursos no Governo Federal, através do deputado Arthur Lira, para resolver o problema da falta de água em Maragogi.

 

Recursos hídricos

 

O incrível é morrer de sede em uma região com grande potencial hídrico como são os municípios de Maragogi e Japaratinga. Entre as duas cidades existem quatro grandes rios que despejam milhões de litros de água doce no mar. Bastava construir barragens, tratar a água e fornecer ao povo. Simples assim.

 

Porto Calvo

 

Em Porto Calvo do sistema de abastecimento de água é administrado pela Prefeitura, que distribui o precioso líquido cobrando apenas uma taxa simbólica. Antes era fornecida gratuitamente, mas na gestão do prefeito David Pedrosa foi implantada a cobrança. O sistema de abastecimento vem funcionamento bem, mas precisa melhorar.

 

Porto Calvo/política

 

Mas o fornecimento de água em Porto Calvo poderá voltar a ser gratuito, pelo menos é o que promete o ex-prefeito, Kaika. Contudo o prefeito David Pedrosa disse aos amigos, que o ex-prefeito deverá apoiá-lo, fato contestado por Kaika declarando que só Deus o impede de disputar a eleição para prefeito de Porto Calvo.

 

Porto Calvo/ Tonho

 

O empresário António Carlos, também ex-prefeito de Porto Calvo, confirmou que estará na disputa pela prefeitura. Tonho como é chamado pelos amigos, disse que essa vez o cenário é outro e que não fez nenhum entendimento com o ex-prefeito Kaika. “Vou pra luta com o apoio do povo”, disse ele.

 

Porto Calvo/Kaika pode?

 

O promotor de justiça aposentado Sérgio Eduardo Simões garante que o ex-prefeito Kaika está no seu pleno direito de participar das eleições em 2020 como candidato. Doutor Sérgio, como é chamado seria o vice de Kaika. Para os observadores políticos o ex-promotor não estaria no grupo se a candidatura de Kaika não prosperasse.

 

Jacuípe/Carro velho

 

O cenário político em Jacuípe deu um giro de 180º. O prefeito Junior Carro Velho, que se sentia eleito, está agora coçando a cabeça. A oposição se uniu contra ele, e hoje o prefeito não tem mais a popularidade que tinha, principalmente porque, segundo os adversários, não cumpriu o que prometeu.

 

 

 

 

Artigos relacionados
CotidianoGeral

Barra de Sto Antônio homenageia São Sebastião

Toda comunidade católica da Barra de Santo Antônio está oração em homenagem a São Sebastião desde o dia 17, quando…
CotidianoGeral

Governo de Sergipe realiza audiência pública sobre concessão do Centro de Convenções

A Secretaria de Estado do Turismo de Sergipe (Setur) realizou audiência pública sobre o projeto de concessão onerosa do Centro…
CotidianoGeral

Reconstruir a AMA

A disputa pela presidência da Associação dos Municípios Alagoanos começou e merece todo aplauso porque é fruto da democracia e…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Enter Captcha Here :