Notícias

Obras avançando: Projeto Serrote conclui plano de lavra para 2020

As entregas do Projeto Serrote seguem acontecendo dentro do previsto com responsabilidade e segurança, o maior valor da Mineração Vale Verde (MVV). No final deste mês de outubro, foi atingido mais um alvo do Programa #AtingindoMetas.

O prazo para a movimentação de 4,3 milhões de toneladas de material durante o pre-stripping — também conhecido como “decapeamento”, ou seja, a etapa de lavra até a exposição do minério sulfetado para alimentação da planta — era até 31 de dezembro. A meta foi realizada com praticamente dois meses de antecedência, o que denota foco e disciplina de todas as equipes envolvidas.

Toda a retirada desse material foi executada pela empresa Fagundes Construção e Mineração S.A., responsável pela perfuração, carregamento e transporte da mina. Já a Enaex Britanite foi incumbida pela etapa de desmonte controlado, fornecendo à MVV os agentes detonantes e carregando os furos para as detonações.

Segundo a coordenadora de Planejamento de Mina da MVV, Ana Luisa Ramos, essa etapa de detonação é muito importante para o controle da mina: os desmontes utilizam alta tecnologia eletrônica e uma emulsão bombeada como agente detonante, o que minimiza o impacto do processo. É por meio dele que se obtém a fragmentação necessária do material para o seu transporte. Após isso, ele segue para a britagem – etapa ainda em construção.

MAIOR DESAFIO

A conquista dessa meta do plano de lavra para 2020 é mais um grande passo rumo à conclusão das obras de implantação do Projeto Serrote.

“De forma geral, o nosso maior desafio é fazer nascer o Projeto da melhor maneira possível, seguindo as melhores práticas do mercado, padronizando as atividades de forma clara e produtiva, trazendo inovação para o setor da mineração e, o mais importante, formando um time forte, unido e que trabalhe em um ambiente feliz e saudável”, pontua a coordenadora de Planejamento de Mina da MVV, Ana Luisa Ramos.

A previsão de início da operação do Projeto Serrote é para meados de 2021, com a extração e o beneficiamento do concentrado de cobre. O empreendimento está situado entre as cidades de Arapiraca e Craíbas, no Agreste alagoano.

Artigos relacionados
Notícias

Accor registra prejuízo de 2 bilhões de euros

A Accor definiu o programa de fidelidade ALL como um dos focos estratégicos do negócio para 2021. Ao anunciar os resultados…
DestaquesNotícias

Relatório da IATA preocupa aviação para 2021

Uma informação data pela IATA, que controla o sistema de aviação civil no mundo,  divulgada hoje nos Estados Unidos foi…
Notícias

Governo de São Paulo adota medidas restritivas

O crescimento do número de caso de covid em São Paulo, principalmente devido a saturação dos leitos de UTI, levou…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Enter Captcha Here :