DestaquesNotícias

Aeroporto de Lisboa é destaque “Best European Airport 2020”

O Aeroporto Humberto Delgado em Lisboa recebeu o prêmio como “Best European Airport 2020” pelo ACI Europe que é uma Instituição internacional destaca os melhores aeroportos do mundo. O aeroporto de Lisboa se destaca pela infraestrutura portuguesa na categoria de aeroportos que operam entre 25 e 40 milhões de passageiros.

Em comunicado da ANA-Aeroportos, a distinção foi atribuída a Lisboa pela “responsabilidade e compromisso do Aeroporto Humberto Delgado face à pandemia COVID-19”, que implementou, à semelhança dos restantes aeroportos nacionais, “medidas de proteção desde o início desta crise (dezembro 2019), em estreita colaboração com as autoridades de saúde”.

A ANA ressalta ainda que o aeroporto tem se adequado aos novos protocolos internacionais de saúde e “sempre que necessário os seus espaços às medidas de mitigação do contágio necessárias” e que, além das recomendações de distanciamento físico – através de sinalização e adequação dos espaços -, de reforço da limpeza e desinfecção com utilização dos procedimentos mais inovadores, medição de temperatura a todos os passageiros que chegam, foram também “ajustados os fluxos de passageiros de forma a prevenir concentrações e implementada uma forte campanha de comunicação/informação aos passageiros”.

A ANA destaca ainda a plataforma digital U-monitor, que acompanha as medidas e regista o feedback dos passageiros, com resposta em tempo real, através de QR-code, assim como a implementação de soluções contactless e a utilização de equipamento de desinfeção com avançada tecnologia UV para grandes áreas e equipamentos como balcões, carros de bagagem, tabuleiros raio-x, entre outros.

A concessionária Vinci Airports, que administra o aeroporto de Lisboa procedeu também à contratação e instalação de um laboratório de testes PCR para passageiros oriundos de determinados países e apoiou a logística para implementação do PLC (passenger locator card) e, em junho, recebeu a distinção do selo CLEAN & SAFE do Turismo de Portugal, à qual se juntou, em setembro, a certificação da Bureau Veritas que resulta de um processo de auditoria.

“A resposta ágil e eficiente na implementação das medidas sanitárias demonstra a capacidade de adaptação das equipas, o que permitiu manter os aeroportos nacionais totalmente operacionais ao longo destes meses”, sublinha a ANA – Aeroportos, garantindo que continua “totalmente empenhada” em contribuir para o esforço nacional de mitigação dos riscos de transmissão da COVID-19.

“Estamos muito honrados com a parceria que tem sido seguida com as autoridades portuguesas desde 2013. A VINCI Airports pretende continuar a desenvolver o Aeroporto de Lisboa como uma porta de entrada eficiente, sustentável e inovadora, que irá contribuir para a recuperação económica e do setor do turismo em Portugal”, congratula-se Nicolas Notebaert, CEO da VINCI Airports.

Artigos relacionados
DestaquesNotícias

Europa vai exigir atestado de vacinação para quem viajar ao Continente

O primeiro-ministro, António Costa, explicou, no final da reunião de líderes europeus desta sexta-feira, que a Comissão Europeia está a…
Destaques

Portugal se prepa para eventos presenciais do turismo

Portugal se prepara dar inicio aos eventos de turismo presenciais como a Bolsa de Turismo de LIsboa (BTL), pelo menos…
DestaquesNotícias

Cresce busca por alugar carros e contratar serviços com pequenos grupos

A pandemia de covid-19 trouxe uma nova realidade para quem viaja, buscando se proteger de locais com aglomeração e fechados…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Enter Captcha Here :